7 Passos Como Preparar Toquinhos Para Plantar Orquídeas

Oii, tudo bem?????????

Como preparar toquinhos para plantar orquídeas e não ter problemas com o apodrecimento da madeira?

preparar toquinhos para plantar orquídeas

Os toquinhos de pau-santo, pau-branco do cerrado, corticeira, pára-tudo e outras árvores cascudas de cerne leve e poroso, favorecem o enraizamento das orquídeas, porém a madeira interior está sujeita ao ataque de cupins e outros comedores de madeira, apodrecendo com facilidade.

Para resolver esse problema você pode preparar um tratamento, semelhante ao que é feito com o eucalipto para fabricar mourões de cerca, com alta resistência à decomposição. Você pode fazer o tratamento caseiro facilmente seguindo os 7 passos abaixo:

PASSO #1 – Cortar os toquinhos de madeira no tamanho desejado, de acordo com o tamanho da sua planta que será fixada. Furar a 2cm da borda da parte superior para passar o arame para pendurar.

PASSO #2 – Diluir 1 colher de café de acido bórico, 1 colher de café de sulfato de cobre em 100ml de água.

PASSO #3 – Misturar bem e colocar em uma vasilha de plástico com fundo chato procurando manter o nível da solução em aproximadamente 2,5 cm.

PASSO #4 – Colocar o toquinho em pé para que somente a ponta fique mergulhada na solução. Deixar de um dia para o outro.

PASSO #5 – Retirar o toquinho e deixar escorrer tomando o cuidado para que a solução não escorra pela casca.

PASSO #6 – Repetir a operação com o outro lado do toquinho.

PASSO #7 – Retirar e deixar escorrer para não pingar no corpo do toquinho.

Pronto. Os tocos estarão imunes por muitos anos e não mais apodrecerão com facilidade.

ATENÇÃO: Nas partes do toquinho onde o produto teve contato a planta dificilmente enraizará.

Caso você não encontre as soluções acima para preparar os toquinhos você pode também lavar com detergente e água sanitária deixando os toquinhos bem limpos retirando todo o excesso do cloro e depois deixar secar bem.

Recomendo uso de troncos e galhos de madeira resistente, pois vai ajudar a durar muito mais tempo sem o processo dos 7 passos.

Você pode usar nó de pinho ou cone de pinheiro (araucária), pitanga também é bem resistente e provida de muitas forquilhas com pequenos buracos que facilita para prender as mudas.

E aí, você conhece algum outro método pra preparar toquinhos para plantar orquídeas? Compartilhe nos comentários! Bjs????????

Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo:

Deixe uma resposta

*

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

1 Comentário

  1. Devanis de Oliveira Andrade disse:

    Ola Elisa! Adorei a dica! Eu resolvi cultivar a maior parte de minhas orquídeas em troncos, isso devido ao problema de adquirir substratos e o meu cultivo de walkerianas e nobilior. Porem tive dicas através de outros sites no quesito tanino na madeira, que prejudica o enraizamento das orquídeas. Eu tenho coletado qualquer tronco que acho, seja de poda ou de derrubada de árvores em áreas urbanas. Alguns desses troncos tem um problema com suas cascas, que, começam a desgrudar as suas cascas, da madeira. Então eu retiro toda a sua casca, que ainda muitas das vezes estão verdes e faço estrias nelas para as fixarem melhor, mas antes deixo-as de molho, inicialmente com em água com com cloro (água sanitária), para acelerar a retirada do tanino. Depois que não vejo mais sintomas de que ainda existe tanino, coloco-os para secar, depois eu deixo-os de molho na água com bicarbonato de sódio. Agora uma pergunta! Por estarem sem a casca! Haveria problema em fazer esse procedimento dado por você? Eu já estou fazendo esse procedimento que você passou, mas com os trocos com casca.

Por gentileza, se deseja alterar o arquivo do rodapé,
entre em contato com o suporte.